Como surgiu a Árvore de Natal




Festejar e comemorar o Natal são uma tradição muito antiga. Na Idade Média, as pessoas católicas montavam majestosos presépios, simbolizando o nascimento de Jesus Cristo. Contudo, quem instaurou a tradição dos presépios no mundo católico foi São Francisco de Assis em 1223, - século XIII.Está chegando o Natal, a maior festa cristã do mundo e as pessoas armam árvores de Natal, presépios, guirlandas e as cidades ficam mais iluminadas.


A árvore de Natal não possui nenhum vínculo com o presépio. Muitas pessoas armam presépios e colocam uma árvore de Natal próximo a ele.  A árvore de Natal foi inventada por Martin Lutero no século XVI. Como a reforma protestante não aceitava a adoração das imagens, então a Igreja Luterana não herdou essa cultura de preservar a tradição dos presépios.
Como na Alemanha havia muitos pinheiros, Martin Lutero pensou em enfeitar com símbolos natalinos os pinheiros que tinham na região e passou a enfeitá-los quando estava aproximando o Natal. Rapidamente as pessoas gostaram da ideia e começaram a fazer o mesmo.
A árvore de Natal se tornou tão aceita na sociedade alemã, principalmente no luteranismo e, na Europa ganhou repercussão imediata, se espalhando para outras partes do mundo.
No Brasil, é comum as pessoas armarem árvores de Natal como forma de comemorar esta data tão importante para os cristãos. Contudo, os presépios estão se tornando raridade; são poucas as pessoas que mantém essa tradição cultural, exceto os templos católicos, que montam lindíssimos presépios para a chegada do Natal.

Por Guilherme P. Campelo






Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...