Como identificar os sintomas das ansiedade


As pessoas em geral que possuem doenças psiquiátricas procuram os tratamentos oferecidos pelos serviços de saúde e deixam de se tratarem de distúrbios nervosos com menos grau de severidade, como é o caso da ansiedade.
Os sintomas da ansiedade podem ser definidos como moderados em algumas situações, dependendo da intensidade deste distúrbio psiquiátrico. Alguns casos se manifestam preocupantes e os métodos de tratamento da ansiedade muitas vezes tornam-se inadequados e ineficazes.


Entendendo a Ansiedade

O termo ansiedade vem do latim, significando “preocupação com o desconhecido” e possui respaldo na herança grega, relacionando-se com aperto e sufocamento.
A ansiedade é comum nos seres humanos e ela é considerada como uma parte da existência.
É comum a ansiedade se manifestar a espera de alguma atividade, como por exemplo: ir viajar, esperar algum conhecido ou ser chamado por uma empresa.
A espera anterior aos acontecimentos acomete a ansiedade e desencadeia um distúrbio psiquiátrico, sendo muitas vezes incontrolável.


Identificando os Sintomas da Ansiedade

·               A pessoa vítima da ansiedade sente muito cansada e indisposta, sendo considerado primeiro sintoma da ansiedade;
·               Há muita falta de interesse pela vida e a pessoa sente-se em pânico e irritada;
·               A falta de concentração é uma manifestação constante e o indivíduo chega a perder parcialmente a noção da realidade;
·               Outro sintoma que caracteriza a ansiedade é a insônia. As pessoas ansiosas não sentem sono e os pensamentos a noite são constantes e compulsivos;
·               O suor excessivo também é um sintoma da ansiedade;
·               As pessoas vítimas de ansiedade sentem muito aperto no peito ou na garganta;
·               Muita inquietação e choro constante;
·               Para os homens há perda pelo sexo, sendo a principal causa a impotência;
·               Arritmia cardíaca e dificuldades respiratórias;
·               Dores cabeça excessiva e zumbido no ouvido.


Os Tratamentos da Ansiedade

O método mais aceito para sanar com a ansiedade e os sintomas é à base de tranqüilizantes e medicamentos como: diazepan, lorazepan, nitrazepan e etc.
Estas drogas passaram a ser usadas no tratamento da ansiedade a partir da década de 1980 e foram considerados como as “drogas maravilhosas”, que sanavam em grande parte todos os males provindos da ansiedade e distúrbios emocionais.
No início as pessoas submetidas a essas drogas não se queixavam de dependência e os efeitos colaterais eram quase nulos.
Atualmente, milhões de pessoas estão sofrendo com a dependência desses medicamentos em razão do uso prolongado.

Tratamentos sem o uso de drogas

O meio mais eficaz para acabar com a ansiedade sem recorrer ao uso de medicamentos que causam dependência é a abordagem amigável.
Também a busca por um terapeuta constitui numa das soluções mais empregadas no tratamento da ansiedade.
O desabafo e os sentimentos guardados devem ser expostos como forma de livrá-los completamente. As pessoas vítimas de ansiedade possuem uma tendência a ficarem restritas e distantes das pessoas próximas, preferindo a solidão.
Para tratar da ansiedade, os especialistas recomendam a aproximação familiar e o apoio emocional e espiritual.

Dicas

Se você é vítima de ansiedade, ao invés de buscar tratamentos médicos e terapias, comece por você mesmo a terapia. O melhor tratamento é você mudar seu pensamento e suas atitudes, abandonando os pensamentos negativos e o pessimismo.
Pois não adianta o melhor tratamento do mundo, se você não estiver interessado em se tratar da ansiedade.


Assim como afirma Joseph Murphy: “Mude o seu pensamento e você mudará o seu mundo”. Afinal, nós somos aquilo que pensamos e a partir do momento que você pensar diferente e ver o mundo com outros olhos, a ansiedade tornar-se-á um problema distante.

Por Guilherme Paixão Campelo
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...